business-units_photoelectric_276x210px

Versáteis e altamente sensíveis, os sensores fotoelétricos da Contrinex permitem a deteção a grande distância, sem contacto, de objetos metálicos e não metálicos, acomodando a variação de cor e o acabamento superficial do objeto. Circuitos de alta frequência de comutação detetam objetos em movimento rápido, mesmo contra os fundos de baixo contraste. Os sensores fotoelétricos dirigem feixes de luz – emitida por um díodo «laser» ou LED – em direção a um objeto distante. Diferentes princípios de funcionamento detetam luz refletida do objeto (sensores de reflexão difusa energética e de supressão de fundo) ou a interrupção do feixe pelo objeto (sensores de retrorreflexão e de barreira). Os sensores de barreira utilizam um recetor separado, permitindo maiores distâncias de deteção, outras variantes contêm um transmissor e um recetor num só corpo. Transmitir o feixe de luz para espaços confinados utilizando fibras óticas elimina qualquer risco elétrico no ponto de deteção, o que é ideal para atmosferas inflamáveis.